Abra sua conta grátis Carregando

O que é funil de vendas e como utilizá-lo de maneira correta?

Publicado em 18 de setembro de 2018 (atualizado em 29 de julho de 2019)
Funil de Vendas

Para o desenvolvimento sustentável de um negócio, é muito importante que algumas estratégias de gestão e marketing sejam colocadas em prática. É preciso conciliar a boa administração e sistemas de comunicação eficazes a fim de levar a empresa até seu potencial cliente. Por isso, é fundamental que os gestores entendam a importância do funil de vendas.

De maneira geral, o termo se refere a todas as etapas pelas quais o potencial cliente passa. E essas etapas começam desde quando ele tem seu primeiro contato com uma empresa até a efetivação da compra. Ou seja, ao longo de toda essa jornada, a organização pode e deve recorrer as estratégias-chave para conseguir transformar o interesse em uma compra.

Para traçar essas estratégias com sucesso, é importante conhecer as três principais etapas do funil de vendas. Então continue lendo, pois descrevemos elas logo abaixo!

Topo do funil

Essa primeira etapa é a fase na qual o cliente descobre que tem uma necessidade ou problema. Ou seja, nesse momento, nem ele mesmo sabia que tinha uma necessidade que o seu negócio poderá atender.

Portanto, nessa etapa, o ideal é a empresa se mostrar ao potencial cliente como especialista na resolução do problema. Hoje, com as facilidades oferecidas pela tecnologia, é comum que as pessoas identifiquem novas marcas na internet.

Então, mantenha o site e redes sociais da sua companhia sempre atualizados. Assim, nesse primeiro contato, o cliente pode ter acesso a informações relevantes, que o façam considerar o seu serviço como algo importante.

Meio do funil

O passo seguinte é conhecido como o meio do funil. Neste momento, o cliente reconhece uma necessidade e passa a considerar sua empresa para resolver a questão. No entanto, apesar de o interessado saber que está passando por uma situação específica, ele ainda não está certo quanto às melhores formas para lidar com isso.

Geralmente, nessa etapa a empresa também já tem algumas informações básicas sobre o perfil do cliente, o que ajuda para o oferecimento de produtos e/ou serviços adequados. Vale também apresentar alternativas, de acordo com a necessidade apresentada. Dessa maneira, o cliente tem poder de escolha. Portanto, cria-se uma relação de confiança, não apenas de venda.

Manual Financeiro para Empreendedores

Fundo do funil

Até agora, entendemos que o topo do funil é a fase da descoberta, enquanto o meio do funil é a etapa da consideração e reconhecimento de um problema ou necessidade. Seguindo essa lógica, o fundo do funil é o momento em que a compra é efetivada. Por isso, o cliente precisa saber todos os benefícios que a sua empresa oferece. Então, ele também precisa saber quais as vantagens do seu negócio em relação aos concorrentes.

Nessa fase final, o cliente já está pronto para concluir uma venda. E, cada vez mais, a empresa pode se mostrar como referência no assunto. Alguns negócios já incluem nessa etapa também o pós-venda, que também é uma etapa essencial. Ela nada mais é do que estratégias que ajudam na fidelização do cliente.

Um funil de vendas bem construído e aplicado pela empresa tem o poder não apenas de atrair clientes, mas também faz com que eles identifiquem a empresa como referência no setor. A partir disso, será muito mais fácil construir uma relação sólida e fidelizada.

Gostou deste conteúdo sobre funil de vendas conceito? Aproveite também para ler também o artigo que já fizemos sobre como melhorar os resultados do seu negócio!

eBook grat

Categoria

Prestadores de Serviço

Ver todos os posts desta categoria

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.