Abra sua conta grátis Carregando

Como fazer o reenvio de callback para o meu sistema?

Publicado em 02 de março de 2017 (atualizado em 23 de abril de 2019)
Veja como fazer o reenvio de callback

Quem utiliza as integrações da Gerencianet sabe da importância do callback. É por meio dele que seu sistema recebe a informação sempre que um pagamento é efetuado ou cancelado e realiza a baixa automática. Mas as vezes, por alguma falha no sistema integrado, que não permite a comunicação com a Gerencianet, as notificações não são entregues corretamente. Neste caso, é preciso realizar o reenvio do callback. Veja como fazer:

Via integração de boletos e carnês

Quando sua URL é desativada e as notificações não são enviadas, você recebe um e-mail com esta informação.

Quando isso acontece, você deve testar novamente a sua URL e, em caso de resposta com sucesso (200), você deve ativar a URL e  reenviar as notificações de confirmação de pagamento. Para isso, siga o procedimento abaixo:

  1. Clique no menu “Boletos e carnês > Integrações >callback” da conta Gerencianet
  2. Em frente a URL de notificação de pagamento cadastrado, clique no botão “Logs”
  3. Selecione as cobranças que estão com o status “não”
  4. Clique em “Reenviar callback”

Pronto! O callback entra em uma fila de envio e é reenviado após alguns minutos.

Via API

Existem algumas maneiras de analisar e reenviar uma notificação da API, direcionadas tanto ao desenvolvedor (requer conhecimento técnico) quanto ao usuário do sistema integrado (não requer conhecimento técnico):

Para o usuário:

Caso queira reenviar a notificação de transação(ões) específica(s), você pode realizar diretamente do painel de sua API. Para isso, realize os passos abaixo:

  1. Acesse “API > Minhas Aplicações > Sua Aplicação” e selecione o ambiente desejado (produção ou desenvolvimento);
  2. Na aba “transações”, localize a(s) transação(ões) desejada(s), clicando no ícone semelhante a um “olho” (localizado na última coluna);
  3. Por fim, clique no botão “Reenviar notificação”, localizado na parte inferior esquerda do detalhamento da transação.

Pronto! Em alguns minutos, a notificação será reenviada para seu sistema.

Para o Desenvolvedor:

Quando a URL associada à transação está “fora do ar”, não é possível entregar a notificação para seu sistema. Assim, a notificação voltará para nossa fila interna de envios e será enviada novamente no decorrer do dia.

Caso você queira retornar o histórico de notificações enviados a uma determinada transação, nossa API possui a função getNotification(). Para isso, você deve enviar uma requisição GET para a rota /notification/:token, onde :token é o token de notificação da transação desejada.

Cabe frisar que esta é uma função que deve ser utilizada em situações esporádicas e não para criar uma rotina de consultas em nosso webservice de forma contínua (loop), pois há um limite de consumo diário deste endpoint, que é de 15.000 a cada 24 h. Caso o limite seja excedido, o endpoint será bloqueado por um período de 24 hs e o desbloqueio será realizado de forma automática.

Independente da maneira que você optar pelo reenvio da notificação, lembre-se que na aba “histórico de notificações” são exibidas as notificações (POST) que enviamos para seu sistema e a aba “histórico de requisições” mostra as consultas que seu sistema realiza em nosso webservice (no caso das notificações, seu sistema sempre deverá consumir a rota /notification/:token).

Para mais informações, confira a documentação oficial da API.

Ainda está com dúvidas ou enfrentando problemas? Envie um ticket para que nossa equipe possa auxiliar você.

Categoria

Integração

Ver todos os posts desta categoria

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.