Abrir conta digital grátis Carregando

Passageiros podem usar o Pix para pagar passagem de ônibus. Conheça a parceria entre Gerencianet e X4Fare!

Publicado em 23 de fevereiro de 2022 (atualizado em 23 de fevereiro de 2022)
Uma pessoa fazendo a leitura do QR Code Pix na catraca para pagar a passagem de ônibus no transporte público.

Já imaginou receber uma passagem de ônibus pelo Pix? A startup X4Fare não só imaginou, como já está colocando em prática um novo sistema que deixa a catraca inteligente. Essa é uma forma de inserir o Pix, meio de pagamento que ganhou a preferência dos brasileiros, também no transporte público. 

Economia é a palavra-chave. Com essa inovação, a redução de custo em termos de equipamento é de 60% para os operadores de ônibus. Por outro lado, os usuários ganham uma experiência mais dinâmica e eficiente no dia a dia. É só acessar o app, gerar um QR Code, encostar num terminal e pronto: passagem liberada.

Para criar essa solução, a X4Fare se uniu à Gerencianet. Afinal, de Pix a gente entende! As companhias interessadas podem integrar a API Pix Gerencianet ao seus sistemas para oferecer a modalidade aos usuários. 

Neste artigo, entenda como funciona essa nova tecnologia e saiba como fazer parte. Boa leitura!

Sobre a X4Fare

A X4Fare é uma solução para o setor de mobilidade urbana. A startup desenvolveu uma nova arquitetura de pagamentos para o transporte público e privado, oferecendo mais possibilidades na hora de efetuar o pagamento da passagem de ônibus.

“A solução da X4fare dará flexibilidade aos Operadores de Transporte, com múltiplas formas de pagamentos para todos os tipos de carteiras, além de promover transparência e segurança no processo. Utilizamos tecnologia de ponta, em nuvem, tempo real e escalável.”

                                                                                Diogo Andrade — Head de Produtos na X4Fare

Pilares da solução, segundo a X4Fare:

  • disponibilizar e operar a infraestrutura de emissão, controle e operação de carteira digital de pagamento para o transporte público;
  • disponibilizar e operar a infraestrutura de adquirência das transações de pagamento do transporte público dentro dos ônibus ou nos terminais;
  • clearing de liquidação financeira para o transporte público, trazendo segurança em todos os níveis.

Oportunidade — aceitar pagamentos via Pix em transportes públicos

O transporte público está a beira do colapso — é o que afirma a Associação Nacional de Empresas de Transportes Urbanos. Os dados mostram que o setor já soma um prejuízo de R$ 16,7 bilhões no Brasil. 

A pandemia foi um dos fatores que acelerou a onda de falências. De acordo com a FGV Ceri (Centro de Estudos em Regulação e Infraestrutura), entre abril de 2020 e fevereiro de 2021, 18 empresas e 3 consórcios de ônibus encerraram suas atividades no país. 

Para essas empresas, a forma de remuneração do sistema é um dos grandes obstáculos, uma vez que no Brasil a operação é sustentada, em sua maior parte, com a tarifa da passagem de ônibus. 

Esse fator acaba impactando, também, o usuário final, já que ele precisa arcar com tarifas mais altas.

💡 Uma forma inovadora de usar o Pix

Por outro lado, a pandemia também acelerou a digitalização. O Pix, por exemplo, é um modelo de pagamento que nasceu neste mesmo período e entrega agilidade, modernidade e acessibilidade para os brasileiros — 105,2 milhões de pessoas já usam o pagamento instantâneo.

Pensando em solucionar esse problema do transporte público, a X4Fare criou uma tecnologia para conectar qualquer carteira digital ao pagamento da passagem de ônibus. Essa é uma forma de melhorar a experiência de pagamento do cliente e reduzir custos de gestão dessa estrutura.

E é claro que o Pix não estaria de fora dessa. Para isso, Gerencianet e X4Fare firmaram uma parceria. Vamos entender como funciona esse fluxo?

Manual do Pix para Negócios

Solução — integrar a API Pix Gerencianet nas catracas ou terminais

A X4Fare quer reinventar a experiência do transporte público e, também, oferecer soluções para operadores de ônibus rodoviário. Ok, mas o que isso quer dizer?

Bom, em poucas palavras, o usuário vai ter a liberdade de escolher como pagar a passagem de ônibus direto na catraca: via QR Code, NFC (cartão por aproximação) ou Pix.

Dessa forma, essas pessoas não precisarão se preocupar com recargas de cartão. Tudo será feito pelo celular ou com o próprio cartão bancário. 

No entanto, para que o Pix faça parte desse novo sistema, as empresas de ônibus interessadas precisam integrar a API Pix em suas operações.

Quero conversar com um especialista

Conheça a API Pix Gerencianet

A API Pix Gerencianet é a tecnologia que vai automatizar o recebimento de Pix na catraca. Ela é moderna, robusta e possui fácil integração a diferentes softwares e plataformas. Homologada e fiel aos padrões estabelecidos pelo Banco Central, a API suporta, com segurança, milhões de requisições. Os números comprovam isso:

  • só em 2021, foram movimentados R$ 30 bilhões pela API; 
  • foram mais de 1,5 bilhão de requisições aos nossos endpoints. 

Conheça a API Pix da Gerencianet

E tem mais: você pode conversar com centenas de desenvolvedores entusiastas das APIs e soluções da Gerencianet e contar com nosso suporte técnico todos os dias da semana na comunidade no Discord. São mais de 2 mil usuários engajados que trocam, por lá, experiências diariamente. 

Quer integrar a API Pix Gerencianet nas suas operações? Veja como!

Para utilizar a API Pix, é necessário cumprir alguns passos importantes. Acompanhe:

Em caso de dúvidas, conte com a gente! 🧡

Categoria

Pix

Ver todos os posts desta categoria

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com essas condições. OK