Abrir conta digital grátis Carregando

Evasão escolar: saiba como identificar e combater

Publicado em 26 de julho de 2018 (atualizado em 23 de setembro de 2021)
Evasão escolar

Infelizmente, a evasão escolar, ou seja, a falta de frequência dos alunos, ainda é uma realidade nas escolas brasileiras. E esse problema está relacionado a diversos motivos. Crise econômica, aumento do custo de vida e índices de desemprego são alguns dos fatores que contribuem com o crescimento dos números da evasão, que atinge tanto escolas públicas quanto particulares.

No caso da instituição privada, a evasão está muito ligada à inadimplência que, se não for combatida e controlada, pode comprometer toda a estrutura financeira do negócio. Por isso, o gestor precisa estar sempre atento, acompanhando os índices da escola para evitar que tanto a inadimplência quanto à evasão se tornem uma preocupação real para a escola.

Neste post, selecionamos alguns dos principais motivos que contribuem para a evasão escolar e como combatê-los. Confira!

Identifique o que precisa ser melhorado

Evasão escolar: Identifique

Um trabalho constante de melhorias, em todos os aspectos, é muito importante para garantir que a escola atenda às expectativas de pais e alunos. Todos os departamentos da instituição precisam estar cientes a respeito dos seus pontos fracos para, assim, desenvolverem um trabalho de melhoria.

Comece analisando em qual faixa etária a evasão é mais incidente, se existem disciplinas que sofrem mais com o problema. Além disso, abra espaço para que os próprios alunos deem sugestões e compartilhem suas opiniões. Os alunos têm interesse no diálogo e esperam que a instituição ofereça a liberdade necessária para que eles sejam ouvidos.

Guia de Gestão da Escola Eficiente

Entre os pais, as maiores preocupações estão relacionadas à estrutura oferecida pela instituição, a efetividade de um bom plano pedagógico. E, claro, às facilidades que eles podem obter escolhendo determinada instituição.

Isso significa que é preciso disponibilizar ferramentas que facilitem a vida desses pais também. O oferecimento de diversos canais de comunicação com a escola e facilidades relacionadas às formas de pagamento aceitas são alguns dos pontos mais relevantes a serem considerados.

Esteja atento à necessidade de mudança pedagógica

Sim, um dos motivos que podem causar evasão escolar também está relacionado a problemas pedagógicos. Existem diferentes correntes que pregam metodologias e práticas de ensino distintas. E, normalmente, os pais estão cientes das escolhas da instituição desde a assinatura do contrato.

Porém, nem sempre o que é pensado e planejado sai conforme o esperado na prática. E, nessas situações, o projeto pedagógico precisa ser repensado ou adaptado. Os professores serão os primeiros a perceber que algo pode não estar dando certo no trabalho diário com os alunos.

Os gestores escolares precisam também estar dispostos a ouvir o que o corpo docente tem a dizer sobre as práticas de ensino e o aproveitamento dos alunos, a fim de melhorar e mudar o que for necessário. De maneira geral, os alunos precisam perceber que as matérias e tópicos ensinados têm relevância para sua vida prática. E, para garantir isso, são essenciais duas ferramentas: professores motivados e projeto pedagógico adequado.

Capacite o corpo docente para as demandas atuais

Um professor motivado é peça fundamental para que os alunos também se sintam satisfeitos com a escola. E, consequentemente, mantenham o hábito diário de frequentar a instituição. Seguindo essa linha, os mestres precisam estar integrados com os objetivos da escola e também se sentir valorizados.

A capacitação frequente, o estímulo para o aprendizado de novas técnicas, além de novas ferramentas e conteúdos, deve fazer parte da rotina do professor. Assim, ele se sentirá mais preparado para lidar com as questões das salas de aula que estão em constante mudança.

Hoje, os alunos têm acesso a muito mais informações do que antigamente, fazendo com que se tornem mais questionadores e conhecedores de diferentes tipos de assunto. A escola precisa acompanhar essa evolução, enquanto que o professor é quem lidará diretamente com todas essas mudanças de comportamento. Logo, ele precisa estar capacitado para isso.

Controle os índices de frequência diariamente

A escola deve ter normas claras sobre o limite de ausências permitidas no período letivo. Dessa maneira, os pais ficam cientes de todas as regras desde o início. Apesar de ser um assunto delicado, normalmente, as escolas que têm mais sucesso no combate ao absenteísmo são aquelas com menos tolerância.

Como Definir o Preço da Mensalidade Escolar

Claro que há situações que podem ser justificadas, mas faltas sem razões comprometem o trabalho pedagógico e impossibilitam que o aluno adquira o conhecimento necessário para um bom aproveitamento da grade curricular.

Invista em uma política de faltas, mantenha um controle rigoroso e diário. Além disso, não deixe para entrar em contato com os pais quando o caso se tornar crítico. Aos primeiros sinais de que algo está errado com determinado aluno no que diz respeito a ausências, entre em contato com o responsável. Dessa maneira, sua instituição pode contornar a situação ainda no início.

Garanta uma infraestrutura adequada

O espaço escolar precisa ser atraente e preparado para atender as necessidades de cada aluno. Salas de aula confortáveis, laboratórios bem equipados e salas diferentes para atividades específicas são alguns dos espaços essenciais que toda instituição de ensino precisa contar.

Além do mais, esses espaços precisam promover a integração e o convívio dos alunos. Afinal, essa é uma das funções da escola. É muito mais interessante quando se há um equilíbrio entre a carga de aulas teóricas, atividades práticas e convivência.

Atividades coletivas, por exemplo, quando desenvolvidas em espaços apropriados, garantem uma melhor integração entre os alunos e os professores. O resultado é uma rotina de aprendizado mais dinâmica e motivadora, tanto para os alunos quanto para os professores.

Esteja aberto à necessidade de negociações

De acordo com um estudo recente feito pelo Banco Mundial, a diminuição da renda é um fator que influencia e aumenta a evasão escolar. Jovens de até 18 anos que moram em lares afetados pela crise financeira têm 4,5% mais chances de abrirem mão dos estudos.

Ou seja, enquanto o Brasil não adota políticas de financiamento estudantil para alunos que estejam abaixo do nível universitário. Então as próprias instituições escolares precisam buscar alternativas. Uma delas é acompanhar de perto o fluxo de pagamento das mensalidades de todos os alunos.

Como Cobrar Clientes Inadimplentes

Assim, ao primeiro sinal de inadimplência, forneça possibilidades de negociação do que está em atraso. Se possível, ofereça descontos, parcelamento e/ou abatimento de juros e multas. Cada caso precisa ser analisado individualmente. No entanto, é importante mostrar ao cliente um certo nível de flexibilidade para que ele se comprometa com o pagamento.

Invista em inovação e tecnologias

Hoje, crianças e adolescentes estão cada vez mais conectados ao mundo digital, tanto para interações pessoais e diversão quanto para estudo. A escola precisa acompanhar essa nova realidade e oferecer recursos tecnológicos que estimulem o aprendizado também.

A tecnologia não deve ser vista como inimiga, já que ela faz parte da vida das pessoas. O segredo é canalizar esses recursos mais avançados para tornar o ensino mais atraente. Assim, ajuda a despertar o interesse dos alunos pelas matérias tradicionais e também para as novas demandas do mundo moderno.

O combate à evasão escolar depende da combinação de diversas ferramentas, pois o uso de apenas uma estratégia não significará um bom resultado. Sabendo identificar as necessidades dos pais e alunos, será muito mais fácil minimizar os riscos trazidos por esse problema.

Se você gostou deste post sobre evasão escolar, aproveite para ler também o conteúdo que fizemos sobre redução de custos na escola. Está imperdível!

Confira o Guia de Parcerias Entre Escola e Empresa

Categoria

Empreendedorismo

Ver todos os posts desta categoria

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com essas condições. OK