7 estratégias de Marketing Digital para implementar no seu negócio | Gerencianet

Blog da Gerencianet

Pagamentos on-line, empreendedorismo e e-commerce

7 estratégias de Marketing Digital para implementar no seu negócio

Convidado Especial

29/05/2019

O marketing digital para empresas é uma estratégia que se fortaleceu na segunda década do século XXI, mas já se tornou praticamente uma obrigatoriedade para as organizações que desejam crescer no mercado atual.

Desenvolvida a partir do marketing tradicional, ela traz uma nova abordagem e também muitas dúvidas. Os gestores do setor e empresários que desejam manter suas empresas socialmente relevantes e competitivas devem ficar atentos às mudanças envolvidas nesse contexto.

Para quem quer estar por dentro do assunto, e começar a pensar na implementação do marketing digital para a marca, este post é um ótimo ponto de partida. Leia-o até o fim e leve a sua estratégia para um outro nível!

O que é o marketing digital?

Quem tem algum conhecimento sobre gestão, certamente, já se deparou com os famosíssimos 4Ps do marketing ou marketing mix. Esse é um conceito de Philip Kotler, que é considerado o pai dessa estratégia. Para relembrar, as letras correspondem aos conceitos de Produto, Preço, Praça e Promoção (do inglês, Product, Price, Placement e Promotion).

Quando Kotler elaborou o seu conceito do marketing mix, o mundo ainda não havia passado pela revolução tecnológica, e os negócios eram todos realizados na dimensão offline. Com a popularização da internet no início do século XXI, os modelos de negócios sofreram uma transformação que, é claro, impactou também o marketing.

É daí que surge o marketing digital. Em poucas palavras, estamos falando de todas as atividades realizadas na internet por uma marca (que pode ser uma empresa ou um profissional autônomo) e que estejam relacionadas com os 4Ps.

Ou seja, entram nessa definição as estratégias de produto, preço, praça e promoção que têm o ambiente digital como palco. Nosso maior interesse neste artigo são as ferramentas relacionadas ao P da Promoção, uma vez que elas podem ser aplicadas de forma fácil e não demandam grandes mudanças no modelo de negócios.

Os principais objetivos do marketing digital são: gerar novas oportunidades de negócios, criar relacionamentos com o público e construir uma identidade para a marca.

Quais as principais vantagens do marketing digital para empresas?

Se você chegou até aqui, deve ter deduzido que a agilidade e a simplicidade são duas das características mais marcantes do marketing digital, que também são grandes vantagens. Mas há outros pontos positivos que vale a pena destacar.

Veja a seguir.

Segmentação do público

Quando uma marca realiza um anúncio no intervalo de um programa de televisão, ou em uma página de jornal, tudo que ela sabe é que aquela peça publicitária será exibida para um número estimado de pessoas — o número de leitores do jornal, ou de espectadores do programa.

na internet, a segmentação do público para quem o material da marca vai aparecer é muito mais precisa. É possível escolher faixa etária, gênero, região geográfica e várias outras características que permitem uma exposição para um público que está mais próximo dos consumidores reais e desejados da marca — e criar uma persona é um passo decisivo nessa tarefa.

Valores mais baixos

Quando o único espaço para a publicidade consistia nas mídias tradicionais, somente as grandes empresas conseguiam aparecer para o público geral devido ao preço dessa exposição. Um único anúncio em uma página de jornal pode chegar a custar dezenas de milhares de reais.

Na internet, é possível alcançar um número muito grande de pessoas com investimentos baixíssimos. Com R$10, já é possível alavancar um post nas redes sociais.

Interatividade

Antigamente, o principal objetivo do marketing era aumentar as vendas de uma empresa. Hoje em dia, já temos que contrariar Philip Kotler, pois o principal objetivo dessa estratégia é estabelecer relações com o público consumidor.

O marketing digital permite a construção desses vínculos, pois a interação entre a marca e seus seguidores é muito mais direta e em tempo real. Isso permite a construção de uma verdadeira comunidade, que terá a marca como seu ponto de encontro.

Métricas e análises

A sociedade ocidental chegou a um estágio em que os dados são considerados extremamente valiosos. Assim, uma das funcionalidades de praticamente todas as ferramentas online é a coleta de dados sobre o comportamento dos usuários.

Essas informações permitem ao gestor de marketing digital entender claramente em quais pontos a sua estratégia está tendo sucesso e onde há espaço para melhorar. Assim, ele pode fazer ajustes de curso nas ações para alcançar seus objetivos com maior precisão.

Quais estratégias você pode aplicar agora mesmo?

Uma das principais características das operações realizadas digitalmente é que elas são muito mais simples do que suas versões analógicas. Pense, por exemplo, em como era complicado abrir uma empresa cerca de 40 anos atrás.

Você precisava de equipamentos, um escritório, armários para guardar os vários arquivos em papel, funcionários e toda uma estrutura que levava tempo e demandava grandes investimentos. Atualmente, é possível abrir uma empresa web-based somente com um computador com acesso à internet e investimentos baixíssimos.

Essa dinâmica da simplicidade afeta também o marketing digital e muitas das estratégias você já pode implementar na sua empresa agora mesmo. A seguir, apresentaremos algumas.

1. Marketing de conteúdo

Você deve ter percebido uma grande proliferação na criação de blogs empresariais nos últimos anos. Essa tendência do mercado da comunicação está seguindo a estratégia do marketing de conteúdo. A ideia central é a marca produzir conteúdos relevantes para o seu público, gerando valor para os clientes e a sociedade.

Com isso, constrói-se uma reputação para a marca de referência sobre um determinado assunto. Essa imagem gerará oportunidades de negócios, atraindo para o blog da marca as pessoas interessadas nos tópicos abordados por lá.

2. Email marketing

O email marketing é uma ferramenta que pode trazer muitos benefícios para a estratégia da empresa. Em primeiro lugar, porque é uma forma de comunicação direta entre a marca e os consumidores, independente de algoritmos de plataformas.

Depois, porque o conteúdo chega diretamente à caixa de entrada do email da pessoa, sem que ela precise procurar ativamente pelo blog da empresa e pode ser segmentado para um público específico. O importante é que esse veículo de comunicação leve mensagens que agreguem valor para o consumidor.

No email marketing, você pode avisar sobre atualizações no blog, enviar conteúdos exclusivos por meio de newsletters, oferecer promoções, convidar para eventos e outras ações. Você também pode alimentar um sentimento de exclusividade. Isso fará o público querer ser parte desse grupo de pessoas que têm acesso a informações privilegiadas sobre a marca.

3. Redes sociais

Em abril de 2018, havia quase 3,5 bilhões de usuários ativos nas redes sociais, e esse número não para de crescer. Do ponto de vista do marketing, as redes são um enorme parque de possibilidades de negócios.

Nas principais plataformas, é possível se comunicar com os consumidores da marca, com potenciais consumidores e outras marcas para estabelecer parcerias de sucesso. Tudo isso significa somente uma coisa: oportunidades.

A estratégia das redes sociais deve estar alinhada com o restante da comunicação da marca, de forma a construir uma identidade coerente.

4. Inbound Marketing

O Inbound Marketing, na verdade, é um conceito amplo que abrange outras ferramentas que também estão no post. Trata-se da estratégia que tem como objetivo atrair a atenção do consumidor e fazer com que ele procure a marca. Algumas das principais ferramentas são o emails marketing, a comunicação por redes sociais e o marketing de conteúdo.

Se você está se perguntando por que ele é diferente de cada uma dessas ferramentas isoladamente, já preparamos a resposta. O Inbound é uma estratégia mais robusta e coordenada. Por meio dela, a marca usa diversos canais para transmitir mensagens que ajudarão a construir a sua identidade e imagem.

Mais do que uma ferramenta, o Inbound Marketing é uma abordagem para a comunicação da marca, que vai determinar uma série de outras escolhas relacionadas às ações de promoção.

Baixar e-book sobre Fidelização de Clientes

5. SEO e SEM

Atualmente, já podemos dizer que não existe marketing digital sem um trabalho forte com os mecanismos de busca (sendo o Google o principal deles). O SEO (Search Engine Optimization) é a ferramenta mais conhecida, mas o “irmão mais velho”, SEM (Search Engine Marketing) também é muito importante.

Tanto um quanto o outro trabalham técnicas que ajudam o site ou blog da empresa a ficar mais bem posicionado nos resultados orgânicos do Google e demais motores de busca.

O gestor de marketing deve sempre lembrar que o seu interlocutor é uma pessoa. Mas, sem um trabalho que faça com que o conteúdo vença a concorrência com os milhões de links na internet, seu público acabará sem acesso ao que a marca tem para lhe dizer.

6. Automação

A automação de marketing e de processos é uma das tendências de mercado para esta próxima década. As máquinas estão se tornando cada vez mais capazes de realizar tarefas repetitivas e monótonas, liberando os profissionais para as ações mais estratégicas e criativas.

No marketing, não é diferente. A automação permite coletar e sistematizar dados que fornecerão uma perspectiva mais precisa do seu público consumidor. Como resultado, o gestor consegue elaborar campanhas mais certeiras para um público mais bem segmentado.

7. Publicidade

Mesmo diante da revolução promovida pelo avanço da tecnologia e transformação digital, a boa e velha publicidade não morreu. Os anúncios continuam cumprindo seu papel de comunicar tanto a marca quanto seus produtos e também mantêm sua função socializadora.

O que mudou foram os meios. Agora, muitas empresas têm optado por destinar parte das verbas de seu plano de marketing para campanhas online não só no Google Adwords, como também nas plataformas de posts pagos das redes sociais.

O importante é entender o que faz sentido para a sua marca e elaborar uma estratégia coerente com a sua linguagem.

Muitas empresas que já têm sua estratégia de marketing montada acreditam que o digital não é para elas. Algumas acreditam que não devem mexer na estratégia offline que já vem dando certo há tantos anos. Outras acham que não conseguirão acompanhar todas as mudanças e implementar tantas técnicas.

Mas não se engane: o online é uma realidade que chegou para ficar. Mais do que nunca, as marcas que desejam se manter relevantes no mercado precisam se atualizar e incorporar o digital à sua estratégia.

O marketing digital para empresas é para todos, desde o profissional autônomo até as gigantes multinacionais. O segredo é introduzir as mudanças aos poucos para entender o seu público e otimizar os esforços.

A gente também dá uma forcinha no quesito prático. Em nosso post sobre as principais tendências do marketing digital, você encontra dicas para aplicar na sua estratégia e alcançar os melhores resultados. Aproveite!

Conteúdo produzido pela Rock Content.

Categoria

Prestadores de Serviço

Ver todos os posts desta categoria

Os melhores conteúdos sobre tecnologia de pagamentos e gestão na sua caixa de entrada.

Deixe seu e-mail e receba gratuitamente:

Carregando...