Empreendedorismo digital: o que é e como entrar nessa tendência? | Gerencianet

Blog da Gerencianet

Pagamentos on-line, empreendedorismo e e-commerce

Empreendedorismo digital: o que é e como entrar nessa tendência?

Editor Gerencianet

28/12/2018

Modelo de negócio que se baseia na oferta de produtos e/ou serviços por meio da internet e que permite trabalhar no conforto da própria casa. Esse é o empreendedorismo digital, que para muitos já deixou de ser uma tendência para se tornar uma realidade.

Sob uma visão geral, pode-se dizer que a proposta inicial seja empreender com comodidade sem assumir grandes riscos. Nessa linha, as possibilidades de atuação são diversas. Desenvolver produtos próprios (apostilas, cursos etc) e comercializar mercadorias de terceiros são alguns exemplos.

Neste artigo, apresentaremos os principais pontos no que se refere ao empreendedorismo digital. Confira!

Quais são os principais benefícios do empreendedorismo digital?

Para começar, nada melhor do que falar sobre os benefícios do empreendedorismo digital. Por ser um conceito que tem na sua base uma estratégia 100% direcionada ao mundo online, os incentivos são vários.

Custo reduzido

A maior vantagem em optar por esse modelo de empreendimento é que, diferentemente do tradicional, não será preciso investir muito dinheiro para dar início ao negócio. Escritórios, local para armazenamento de materiais, equipamentos industriais, despesas e encargos com funcionários e a manutenção de toda essa estrutura. Enfim, nada disso é necessário para começar uma empresa digital.

Maior flexibilidade

A flexibilidade de trabalho é outro aspecto que chama a atenção. Como já dito, ele possibilita atuar na comodidade da própria casa, no momento e da maneira mais favorável possível.

Cada indivíduo tem um horário preferido para fazer as suas tarefas, da mesma forma que tem um modo específico para realizá-las. No entanto, em uma organização comum, o empreendedor fica restrito a turnos e processos predefinidos.

Em um negócio digital, ele pode ajustar os seus horários da maneira que melhor atender a sua qualidade de vida e a sua rotina pessoal, assegurando, assim, maior flexibilidade para trabalhar.

Sem barreiras geográficas

Por funcionar totalmente por meio da internet, barreiras geográficas não existem. Dependendo do tipo de produtos ou serviço que o empreendedor digital ofereça, seu alcance pode ser global, mesmo trabalhando no sofá de casa.

Para ilustrar, pegue como exemplo os cursos e videoaulas. Dependendo do caso, podem ser distribuídas para qualquer lugar do planeta.

Mais oportunidades

Como consequência da não existência de barreiras geográficas está o aumento das oportunidades. Os negócios digitais estão disponíveis para o público de interesse a qualquer momento, mantendo as “portas” abertas durante todo o dia, inclusive nos fins de semana e feriados.

Pense na enorme quantidade de pessoas que existe por aí. Agora, considere o fato de que uma considerável parcela desse todo é composta por internautas que utilizam do meio virtual para fazer compras.

Dito isso, é fácil de entender porque o empreendedorismo digital se tornou uma tendência tão forte. Se prestar atenção, você verá que as oportunidades para ganhar dinheiro são inúmeras!

Quais são os passos para entrar nessa tendência?

Embora sejam diversas as possibilidades, é preciso ter em mente que para ter sucesso como empreendedor digital é necessário muito esforço. Para ajudar, mostraremos a seguir quais são os passos para entrar nessa tendência.

Escolher um nicho de mercado

Em primeiro lugar, avalie o mercado procurando identificar um nicho que apresente carências e que possa ser melhor trabalhado. O campo de atuação na internet é extremamente amplo, organizado e dividido em segmentos conforme suas necessidades e particularidades mais específicas.

É essa divisão que se deve observar, Afinal, é exatamente nela que você encontrará os espaços em que residem as melhores oportunidades. Para facilitar a sua escolha, liste os interesses, os assuntos, as atividades e as habilidades do seu domínio.

Nesse contexto, dê prioridade às tarefas que você gosta. Assim, o trabalho será mais fácil e um tanto quanto prazeroso.

Criar um canal com o cliente

Uma vez definido o nicho de mercado, o próximo passo é estabelecer os meios para entrar em contato com o seu público-alvo. De um ponto de vista mais amplo, trabalhe com um site próprio e aproveite o poder das redes sociais. Qual? Bem, isso vai depender da mercadoria oferecida e das características dos seus clientes em potencial.

Conquistar uma audiência

A medida seguinte deve ser direcionada à conquista de audiência. Para isso, a dica é simples. Produzir conteúdos relacionados aos produtos e/ou serviços que sejam de qualidade e verdadeiramente relevantes para o seu público.

Nesse caso, uma opção é contar com o auxílio de uma empresa especializada em marketing de conteúdo. Por quê? Ela ajudará na criação dos materiais necessários para instruir e esclarecer as dúvidas da sua audiência.

Divulgar o negócio

De nada adiantarão os passos anteriores se você não divulgar o negócio. Afinal, é na divulgação do empreendimento que as pessoas saberão da sua existência. Bons conteúdos são capazes de conquistar uma ótima visibilidade. Porém, somente no médio e longo prazo.

No curto prazo, a alternativa para contornar essa dificuldade é a divulgação no Google e nas redes sociais. Facebook, Instagram e YouTube são as principais. Não anunciá-lo significa não torná-lo conhecido pelo público. Portanto, o anuncie para que as pessoas o conheçam e tenham interesse!

Contar com ajuda de parceiros

A utilização de empresas parceiras é uma forma de diminuir os custos e o trabalho com algumas atividades. Um exemplo é a utilização de uma empresa intermediadora de pagamentos. Além de facilitar o processo, por não exigir que você tenha contrato com instituições bancárias, o sistema vai possibilitar a oferta de opções de pagamentos, como boleto e cartão de crédito. Com mais formas de pagamento disponíveis, aumenta a possibilidade de o cliente fechar com você. 

O que é preciso para ser um empreendedor digital?

Por fim, não poderíamos deixar de falar que, para se ter sucesso como empreendedor digital, a curiosidade é uma característica vital. Por isso, saia em busca de todas as informações necessárias para se tornar um “mestre” no assunto. É certo de que ao fazer isso (e seguir os passos acima) os resultados virão.

Além dos benefícios citados anteriormente, entre os motivos que fazem desse modelo uma tendência, está o crescimento da internet como fonte principal de informação e compra.

Nesse cenário, a questão a salientar que a “diversidade” de produtos e serviços que pode ser ofertada no mundo online é gigantesca. Afinal, essa é a razão pela qual já se pode considerá-lo como uma realidade que veio para ficar.

O que achou deste artigo sobre o empreendedorismo digital? Gostou? Então assine a nossa newsletter e fique por dentro de outros conteúdos tão interessantes quanto a este!

Categoria

Prestadores de Serviço

Ver todos os posts desta categoria

Os melhores conteúdos sobre tecnologia de pagamentos e gestão na sua caixa de entrada.

Deixe seu e-mail e receba gratuitamente:

Carregando...