Abra sua conta grátis Carregando

Vale a pena para um microempreendedor contratar um contador?

Publicado em 03 de fevereiro de 2017 (atualizado em 18 de abril de 2019)
Veja as dicas para contratar um contador

Ao planejar um novo negócio que pretende iniciar, o microempreendedor geralmente se depara com alguns questionamentos importantes. Um dos mais recorrentes é se vale a pena um microempreendedor contratar um contador. Portanto, essa pergunta esbarra em muitas variáveis e a resposta pode ser complexa.

Neste artigo, avaliamos os principais aspectos que pode te ajudar a tomar essa decisão. Veja abaixo!

O microempreendedor precisa contratar um contador?

A contabilidade é muito importante e necessita de conhecimentos específicos, é verdade. Também é preciso saber todos os trâmites e ter como consultar a situação da empresa para se certificar que está tudo dentro da normalidade. Mas para um microempreendedor, nem sempre vale a pena contratar um profissional apenas com esta finalidade.

Em alguns casos, uma empresa terceirizada pode realizar as funções deste profissional. No caso de um microempreendedor que não possui os recursos para garantir a cobertura desta atividade, é possível realizar por si só o controle financeiro da sua empresa.

Auditorias ou consultorias também podem dar conta do recado. Elas apontam os pontos deficitários onde o microempresário precisa se aplicar mais e corrigir problemas contábeis sozinho.

O microempreendedor e as atividades contábeis de sua empresa

Em última análise, o microempreendedor realmente não precisa de um contador para tocar o seu negócio adequadamente. Aqui está o que é preciso saber para não ter problemas fiscais ou contábeis na condução do negócio:

O recolhimento do INSS é muito fácil de ser realizado sem suporte algum. No Portal do Empreendedor, na página de Emissão de Carnê de Pagamento – DAS é possível executar o aplicativo que gera o Documento de Arrecadação do Simples (DAS). Neste mesmo site está disponível para consulta dos valores, que são fixos.

Guia Completo de Impostos e Regime Tributário

E para que mais um contador poderia ser útil?

Em uma empresa, o contador teria participação em várias etapas do seu funcionamento, desde a abertura até um eventual fechamento das atividades.

Há várias atribuições para o trabalho de um contador. Ele pode participar do planejamento tributário, que passa por escolher o melhor modelo de tributação para cada empresa. Além disso, ele pode planejar o pagamento dos tributos nos momentos mais apropriados, dentro da realidade da receita da companhia.

O contador pode realizar também análises de desempenho financeiro da empresa, auxiliar na gestão e prevenção de riscos e atuar como um consultor interno, dando dicas essenciais para adequação das políticas da empresa à sua realidade e ao momento do mercado.

Independentemente da sua situação, é provável que você precise de suporte na área contábil. Porém, nem sempre a contratação de um contador é indispensável. Há empreendedores com expertise o bastante para cuidar das finanças da sua empresa sozinho. O ideal é não se precipitar e sempre tomar as decisões mais cautelosas, pensando sempre na saúde financeira da empresa – e no bem estar do empresário, sem dúvida.

Então, para continuar aprendendo sobre o assunto, conheça também os principais conceitos de gestão!

Acompanhe-nos e mantenha-se atualizado! Siga no Facebook, Twitter, Instagram e Linkendin!

Categoria

Gestão Financeira

Ver todos os posts desta categoria

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.