Abra sua conta grátis Carregando

Assinaturas: saiba tudo sobre esse método de pagamento

Publicado em 09 de outubro de 2019 (atualizado em 17 de outubro de 2019)
Gerar assinatura

A assinatura é uma modalidade de pagamento que permite realizar cobranças recorrentes. Pense no Spotify, na Netflix ou na sua TV por – isso mesmo! – assinatura. Revistas e jornais, por exemplo, também vendem por assinatura há anos. Geralmente, esse modelo de cobrança é mensal, mas existem as formas de pagamento bimestral, trimestral, semestral e até anual. 

Segundo a Revista Exame, empresas com vendas por assinatura são um modelo em expansão no mercado atual. Grandes, médios e pequenos empresários – em diferentes ramos – apostam nessa forma de cobrança para a entrega de um produto ou serviço. Há tantas vantagens com a automação dos recebimentos, que nós fizemos este artigo para que você fique por dentro de todas elas.

Então, veja quais são as vantagens das assinaturas e as formas mais modernas desse modelo de pagamento. Além disso, aproveite para conhecer as ferramentas e plataformas online para a emissão desse tipo de cobrança.

Quais são as vantagens da cobrança por assinatura?

Comodidade para o cliente

O seu produto proporciona ótimas experiências aos seus clientes, mas já pensou que a forma de pagamento também deve ser tão positiva quanto o serviço prestado? O pagamento por assinatura garante comodidade e conforto ao cliente. Periodicamente, o serviço será prestado, e o valor recolhido por meio do cartão de crédito ou boleto

Cobrança recorrente e automática

Assim como o seu cliente sente-se seguro com o produto ou serviço fornecido de forma periódica, você também pode respirar mais aliviado ao saber que receberá recorrentemente. Automatizar as cobranças pode ser uma ótima forma de reduzir a inadimplência. Por isso, contar com uma plataforma que faça a gestão de assinaturas – e outros pagamentos – é uma ação inteligente e rentável para o seu negócio. 

Personalização

Normalmente, a venda por assinatura também implica na venda de planos. Aqui, a vantagem é poder personalizar o serviço ou produto de acordo com as necessidades de cada cliente. Você permite que ele customize e participe ativamente na decisão de compra. Esse será um cliente feliz e satisfeito!

Diversidade de planos

Já pensou que, a partir da personalização e conhecimento das preferências do seu público, é possível apresentar planos básicos aos indecisos? Assim, os preços também podem ser variados, capazes de incluir outras classes de consumidores. 

Entregas programadas 

Se uma das características do seu produto for a entrega, aqui está a chance de organizar a logística do seu negócio para que ela seja mais ágil e eficaz. É possível segmentar as entregas por região e data. Assim, você otimiza o tempo e os recursos são liberados para fazer o que você deve fazer habilmente: atender os clientes.

Clubes de fidelidade 

Clubes de fidelidade oferecem benefícios aos clientes que se mantêm fiéis à marca ou ao negócio. Que tal atrelar à venda por assinatura vantagens para quem consome fielmente o seu produto? Isso pode encantar ainda mais o seu cliente. Nunca é demais premiar quem te privilegia!

Manutenção do relacionamento

Outra vantagem da periodicidade – seja ela semanal, mensal ou bimestral – é a constante manutenção do relacionamento com os seus clientes. Assim, a sua marca pode estar sempre presente na vida de quem consome o seu produto ou serviço. Essa presença revela uma preocupação com o bem-estar do cliente e tem o potencial de gerar valor para o seu negócio.

Base de dados sólida

Os pagamentos recorrentes oferecem outro benefício ao seu negócio: uma base de dados sempre atualizada. Afinal, para que o produto ou serviço contratado chegue ao cliente, é necessário que ele mantenha as próprias informações sempre atualizadas. 

Como Utilizar o Boleto para Pagamentos Recorrentes

Existem desvantagens em vender por assinatura?

Assim como em outros modelos de negócio, há riscos em trabalhar com a venda de produtos ou serviços por assinatura. Desse modo, foram reunidas, quatro dicas para que você evite os erros mais comuns e, assim, o seu negócio de assinaturas tenha uma boa gestão. Acompanhe!

Controle bem o fluxo de cobranças recorrentes

Assim que um determinado serviço é contratado, ele deve ser imediatamente disponibilizado ao cliente, correto? Da mesma forma, quando for identificada inadimplência, a privação do serviço também deve ser acionada. Para que isso ocorra de maneira precisa, é importante que o fluxo de cobranças seja acompanhado. 

É preciso que a empresa tenha regras para a interrupção dos serviços, em caso de débito, assim como é indispensável reativá-los automaticamente, após o pagamento. Por isso, fique atento ao prazo de confirmação de recebimento do sistema que você utiliza.

Desenvolva um modelo de cobrança flexível 

Ao adotar um modelo de cobrança recorrente, procure aquele que permita a personalização de cada acordo. Desenvolva regras específicas para cada cliente, como a data de pagamento, por exemplo. Afinal, há quem goste de realizar os pagamentos no início do mês, no meio ou no fim. 

Ofereça ao cliente, também, a opção de envio das cobranças por e-mail. Assim, fica mais fácil realizar o pagamento da modalidade selecionada. A cobrança automática no cartão de crédito também é extremamente prática – além de diminuir a possibilidade de cancelamento e inadimplência.  

Faça corretamente a projeção de faturamento

Além dos clientes de sua base, controle também as taxas de inadimplência e atraso, para que você consiga prever o cenário dos próximos meses com mais segurança. Sempre verifique quantos clientes possuem pagamento em aberto. Apure, ainda, quais deles pagam em dia e qual o saldo positivo e negativo de cada um. Para mais, examine se a inadimplência ocorre em alguma faixa específica de valor. 

Controle rigorosamente o estoque

Caso o seu negócio por assinatura seja a entrega periódica de um produto, é imprescindível que você controle o seu estoque e a disponibilidade de entrega das mercadorias

Quem pode usar as assinaturas como forma de pagamento?

Pense no seu negócio! Se você oferece um produto ou serviço contínuo ou parcelado, é possível adotar a assinatura como forma de pagamento. São inúmeros os empreendimentos que cabem nesse modelo de cobrança: aplicativos, plataformas de streaming, bancos, escolas, sites para cursos online, lojas de produtos, dentre outros.

A Netflix é uma plataforma de streaming que utiliza o modelo de assinatura como negócio. O sucesso passa também pela facilidade no pagamento. Mais que um tipo de pagamento, a assinatura é o negócio da Netflix. Esse modelo de cobrança, por vezes, é tão cômodo que os clientes até se esquecem que pagam pelo serviço. 

Você também deve analisar qual a periodicidade ou modelo de assinatura tem mais a ver com o seu negócio. Caso o pagamento recorrente faça sentido para a sua empresa, então, é importante criar uma estratégia para gerar assinaturas. 

O processo para emitir uma cobrança recorrente pode ser simples e automatizado com a ajuda de uma plataforma que faça a gestão de seus recebimentos. Assim, você poderá oferecer aos clientes a possibilidade de pagamento por cartão de crédito ou por boleto.

Entretanto, a boa gestão da sua empresa é fundamental para esse evitar erros comuns nesse tipo de negócio. Fique atento!

Como gerar as minhas assinaturas?

A utilização de um intermediador de pagamentos facilita o processo de gerar assinaturas. A Gerencianet, por exemplo, tem uma plataforma que gera assinaturas de forma simplificada.

Na Gerencianet, a conta deve ser aberta, gratuitamente, por meio do aplicativo disponível para Android e iOS. Após a aprovação do cadastro, a emissão de assinaturas pode ser realizada no portal web da Gerencianet, conforme os passos listados abaixo. Confira!

  1. Acesse o menu Cobranças – > Emitir Cobranças.
  2. Escolha a opção Assinaturas.
  3. Defina a forma de cobrança: cartão ou boleto. 
  4. Selecione a forma de envio e informe os dados do cliente.
  5. Selecione o plano escolhido, caso já esteja cadastrado, ou cadastre um novo.
  6. Insira informações do item de cobrança, data de vencimento, valor de frete, desconto e observações, caso seja necessário.
  7. Clique no botão “Enviar”.

Pela plataforma da Gerencianet, você pode visualizar todas as assinaturas que recebe. Basta clicar na opção “Gerenciar Cobranças” e, em seguida, clicar em “Assinaturas”. O cancelamento de assinaturas também é feito no menu “Assinaturas”. Para isso, selecione a assinatura que deseja cancelar e clique na opção “Cancelar Assinatura”.

Como Otimizar Sua Gestão Financeira com a Gerencianet

Quais são as melhores opções para gerar assinatura?

Na Gerencianet, há duas opções para gerar assinatura: cartão e boleto. Caso seja o cartão a forma de pagamento, o débito será realizado automaticamente na fatura do cliente – de acordo com a periodicidade escolhida. A solicitação de cobrança chegará até o comprador para que ele autorize a assinatura.

Caso seja escolhido o boleto, ele será enviado ao cliente, também respeitando a frequência de cobrança, sempre dez dias antes do vencimento. É importante lembrar que os pagamentos têm a periodicidade personalizável.

Então, qual é a melhor forma de pagamento? Bom, é preciso que você analise o perfil da sua empresa, assim como a preferência de seus clientes. Lembre-se também que o método escolhido pode ser variável, de acordo com cada situação. 

Agora que você conhece mais sobre esse meio de pagamento, confira a solução de assinaturas da Gerencianet!

Categoria

Formas de Pagamento

Ver todos os posts desta categoria

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.