Boleto registrado, sem tarifa de registro.

A Gerencianet traz para seus clientes boleto registrado. Vantagens exclusivas:

  • Abertura de conta imediata e grátis
  • Sem cobrança de mensalidades
  • Sem tarifa de emissão, baixa ou cancelamento
Cadastre-se e comece a emitir agora mesmo

Oferecemos condições exclusivas para nossos clientes. O cálculo das tarifas é realizado de acordo com análise cadastral do CPF ou CNPJ do titular da conta. Faça uma consulta sem compromisso.

Blog da Gerencianet

Como calcular juros e multas para colocar no boleto?

Danielle Diehl

Calculando as multas por atraso

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor brasileiro, o valor máximo da multa cobrada por uma conta em atraso é de 2% do valor total do boleto. Essa multa é cobrada uma única vez para cada título — diferentemente dos juros, que variam de acordo com a quantidade de dias atrasados. Se o valor do boleto é de 100 reais, por exemplo, a multa pode chegar a, no máximo, 2 reais (100 x 0,02).

Caso haja um contrato firmado entre as partes, a multa cobrada pode chegar em até 10%.

Definindo os juros moratórios

Os juros por atraso são de 1% pro rata (o que corresponde a 0,033% ao mês), o que quer dizer que, a cada 30 dias ou um mês, soma-se, no máximo, 1% do valor total do boleto ao que deveria ser pago a princípio, sendo que esse acréscimo é proporcional ao número de dias em atraso.

Também em casos definidos em contrato assinado pelas duas partes, a cobrança de juros pode ser um pouco maior: 0,33% ao dia, o que equivale a quase 10% ao mês.

O cálculo é um pouquinho mais complexo, mas é, na prática, bem simples, podendo se tornar trabalhoso somente se a quantidade de boletos gerados por sua empresa é grande demais. Por isso, vale a pena conferir quais são as alternativas existentes para a emissão desses títulos, principalmente para quem está apenas começando.

Adotando boletos em sua empresa

São muitas pessoas que preferem os boletos a qualquer outra forma de pagamento, porque é prático, rápido e extremamente seguro. E hoje, com os recursos proporcionados pelos meios eletrônicos, o dia a dia tanto da empresa como dos clientes é bastante facilitado. Isso sem contar que, com esse método de pagamento, você garante o recebimento de multas e juros por atraso, já que tudo será automaticamente cobrado na hora da quitação.

É importante oferecer diferentes formas de pagamento tanto para atrair mais clientes para seu negócio como para fidelizar os já habituais. Aí entram os boletos bancários! Por isso é tão importante investir em um sistema que gerencie a emissão desses títulos, auxiliando também na cobrança de clientes inadimplentes e no controle das transações, com os juros e as multas devidamente incluídas e calculadas, sem medo de errar! Então o que ainda está esperando?

Agora que você já sabe como calcular corretamente os encargos sobre os atrasos em seus boletos, comente aqui e divida suas dúvidas e opiniões conosco! Participe!

Categoria

Gerencianet

Ver todos os posts desta categoria

Caso você seja um cliente Gerencianet ou efetuou um pagamento por meio do nosso serviço e precisa de suporte, clique neste botão e abra um ticket:

ABRIR TICKET DE SUPORTE

Por dentro da Gerencianet


    Gerencianet na Mídia

    • EXAME
    • Jornal do Comércio
    • InfoMoney
    • UOL Economia
    • Computerworld
    • Administradores.com