Abrir conta digital grátis Carregando

Como calcular o retorno sobre investimento na escola? Entenda seu ROI

Publicado em 29 de junho de 2018 (atualizado em 02 de setembro de 2020)
Calcular o retorno sobre investimento na escola?

Ao fazer um investimento, o objetivo de qualquer negócio é obter um retorno, seja de ordem financeira ou não. E esse fator serve inclusive para uma instituição de ensino, por exemplo. O fato é que ainda há muitas dúvidas sobre como calcular retorno sobre investimento na escola.

Neste artigo, vamos mostrar não só como é feito o cálculo do ROI, mas também a importância de ter dados precisos. Além disso, vamos propor algumas dicas para melhorá-lo. Então continue a leitura para saber mais!

O que é o ROI e por que ele é tão importante para a instituição de ensino?

​O ROI (retorno sobre o investimento) é uma métrica usada para medir os resultados obtidos a partir de investimento realizado. Basicamente, ele aponta o que a escola ganhou ou perdeu em relação ao montante aplicado. Dessa maneira, os dados ajudam a coordenar melhor os investimentos futuros.

Isso quer dizer que os resultados do cálculo contribuem para identificar o retorno sobre as iniciativas e o prazo que isso levará. O ROI é muito utilizado, por exemplo, em estratégias de marketing.

Portanto, esse cálculo é essencial para que os gestores possam compreender quais ações geram mais ou menos lucratividade para a instituição de ensino. Consequentemente, é possível determinar objetivos mais realistas para atingir os resultados esperados, motivar a equipe como um todo, aumentar o lucro e o índice de vendas, além, é claro, de contribuir com o corte de despesas desnecessárias.

Como calcular retorno sobre investimento na escola?

Existem diferentes maneiras de realizar o cálculo do ROI. Mas a mais simples é aquela que subtrai o ganho obtido pelo investimento inicial e depois é feita a divisão pelo investimento inicial. A fórmula é a seguinte:

ROI = (Ganho obtido – Investimento inicial) / Investimento inicial

Vamos a um exemplo prático para elucidar melhor a fórmula. Imagine que a escola tenha um obtido um ganho de 100.000 em cima de um investimento inicial feito de 20.000.

ROI = (100.000 – 20.000) / 20.000

ROI = 4

Logo, o ROI daquele investimento foi 4. Para obter a porcentagem basta multiplicar esse número por 100, ou seja, o retorno sobre o investimento que a escola teve foi de 400%. No entanto, muita atenção ao realizar o cálculo. Isso porque deve ser levada em consideração uma série de fatores, entre eles o dinheiro investido em todo o processo. Qualquer despesa, por menor que seja, deve ser embutida ao investimento inicial do projeto.

Por esse motivo, é muito importante que a instituição de ensino procure contar com o máximo de dados possíveis que permitam fazer um cálculo realista. Por exemplo, se há necessidade de investir mais, pois a concorrência está com uma estratégia incisiva, é preciso levar os valores em consideração.

Imagine uma estratégia de comunicação e marketing que exige investimentos em e-mail marketing, marketing de conteúdo, canais nas redes sociais, mídia paga, contratação de agência especializada, entre outros gastos. Todos esses dados financeiros devem ser repassados ao setor administrativo-financeiro, a fim de que resultados reais possam ser obtidos.

Vale lembrar que o valor do ROI não é negativo ou positivo, isso variará conforme a estratégia da escola. Por exemplo, um resultado de 400% pode ser considerado muito satisfatório ou insatisfatório, dependendo do objetivo da instituição.

Guia de Parcerias Entre Escola e Empresas

Como melhorar o ROI da escola?

Independentemente dos resultados, é fato que toda instituição de ensino quer continuar crescendo para oferecer o melhor aos estudantes e também aos funcionários que ali atuam. Por isso, saber como aumentar o retorno sobre o investimento deve ser uma preocupação constante. Confira a seguir algumas estratégias que podem ajudar nesse processo!

Invista em marketing online

Como dissemos, o ROI é comumente aplicado a estratégias de marketing. Por isso, se é o seu objetivo aumentar a porcentagem de retorno, vale a pena apostar no marketing online.

No marketing digital, como também é chamado, as ações costumam exigir um valor de investimento menor. Porém, isso acontece ao mesmo tempo que proporcionam resultados melhores. Existem diferentes formas de aplicar o dinheiro no caso de instituições escolares. Pode-se citar o investimento em links patrocinados e inbound marketing, por exemplo.

Links patrocinados

Os links patrocinados servem para divulgar a escola a potenciais grupos de interesse. Por exemplo, é investida uma quantia em buscadores para que, ao pesquisar o termo “instituição de ensino”, o usuário encontre a escola nos primeiros resultados. As chances de que a pessoa acesse o seu site primeiro são maiores do que daqueles que vêm em sequência. É possível configurar a campanha para que os resultados apareçam apenas nas buscas realizadas na sua área de interesse.

Inbound marketing

Outra opção é investir no marketing de conteúdo. A estratégia atrai público para a leitura dos seus conteúdos, por meio da otimização de SEO. Consequentemente, se a escola investe em materiais de qualidade, ela gera mais confiabilidade. Dessa maneira ela ajuda ao leitor sanar dúvidas e ter as suas necessidades supridas.

Imagine que a instituição de ensino vá oferecer novas modalidades de turma, acrescentando ainda outros serviços, como aulas de diferentes idiomas na grade de ensino e atividades extras. Se ela produzir materiais com esse enfoque, as pessoas que prezam por essas características em uma escola terão conhecimento sobre o que é oferecido na instituição e poderão escolhê-la no futuro, gerando mais lucro.

Guia da Gestão Escolar Eficiente: O Que Você Precisa Saber

Aposte em tecnologias

A tecnologia tornou-se uma necessidade não só em empresas que fabricam bens de consumo, mas também para aquelas que fornecem serviços à população, como é o caso de escolas. Logo, uma das maneiras de aumentar o ROI da sua instituição de ensino é investir na modernização dos equipamentos. Além disso, é preciso abandonar metodologias engessadas.

A administração escolar, por exemplo, pode ser informatizada para evitar demora na produção de documentos de estudantes. Assim, ela dá oportunidade para que os funcionários não percam tempo e possam realizar todas as atividades sob sua responsabilidade. Além de aumentar a produtividade da equipe, diminui gastos, evita erros comuns em processos manuais etc. Portanto, acaba por gerar uma maior economia de recursos.

A gestão de pagamentos também pode ser feita de forma mais efetiva e rápida com a ajuda de um intermediador de pagamento. Além de automatizar o envio de cobranças, o sistema concentra a informações sobre inadimplentes. Dessa maneira, facilita a realização do plano de ação em casos de atraso ou não pagamento das cobranças.

Foque nas necessidades primordiais

O ROI também ajuda a escola a ter uma noção de quais investimentos precisam ser feitos na infraestrutura para atrair mais alunos.

Dessa forma, se a instituição está perdendo estudantes para os concorrentes devido à obsolescência em sua estrutura física, ela pode detectar isso por meio do cálculo e realizar investimento nas necessidades primordiais, atraindo público para que ele volte a apostar na escola ou mesmo aumente a sua taxa de retenção.

Métricas financeiras são fundamentais para uma instituição de ensino que deseja crescer diante da concorrência e atrair mais estudantes, aumentando assim a sua lucratividade. Por isso, saber como calcular retorno sobre investimento na escola é essencial para direcionar os investimentos e as ações.

Manual Financeiro para Empreendedores

Quer saber mais sobre esse e outros assuntos ligados ao gerenciamento financeiro? Assine a nossa newsletter e receba conteúdos diretamente na sua caixa de e-mail!

Categoria

Prestadores de Serviço

Ver todos os posts desta categoria

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.