Abra sua conta grátis Carregando

10 motivos pelos quais você deve criar um blog para seu e-commerce

Publicado em 15 de abril de 2019 (atualizado em 21 de agosto de 2019)
10 motivos pelos quais você deve criar um blog para seu e-commerce

A incessante busca por uma estratégia de marketing que demande pouco investimento, mas tenha alta eficiência, sempre levará as empresas ao marketing de conteúdo. Ele custa 65% menos do que outras estratégias e traz 3 vezes mais leads do que elas. Essa relação interessante de custo-benefício faz com que 90% das organizações já adotem os blog posts em suas ações na Web, segundo pesquisas. Além disso, a tendência de criar um blog para e-commerce cresce cada vez mais. 

O marketing de conteúdo ajuda a ranquear melhor um site e criar autoridade. Além disso, ajuda a conduzir o usuário pelo funil e conquistar uma série de outros ganhos de destaque. Apesar de ser uma prática antiga, graças às otimizações de SEO e ações visando à atração de audiência, os blogs têm cada vez mais eficiência em uma estratégia de marketing digital.

Neste post, você vai conferir 10 motivos pelos quais deve criar um blog para o seu e-commerce. Veja como essa estratégia de baixo custo pode mudar os rumos do seu negócio!

1. Atrair tráfego para a loja

Com conteúdos interessantes e valiosos para o leitor, a tendência é que eles consumam cada vez mais posts. Em um fluxo natural, eles passarão a ser conduzidos para o e-commerce da empresa, graças às estratégias de CTA existentes nesses textos.

Além disso, é fundamental trabalhar frequentemente em otimização. O SEO é o que separa um blog bom de um igualmente qualificado, mas bem ranqueado.

Os posts são desenvolvidos com palavras-chave com alta busca no Google e isso faz com que a atração de tráfego seja alta, o que, naturalmente, resultará em visitas para o site.

Além disso, ao criar um blog e gerar conteúdo frequente nele, esse aumento de links é entendido como algo positivo pelo algoritmo do Google. Como resultado, o blog se torna crescentemente relevante, aparecendo entre os primeiros resultados da busca.

2. Conseguir relevância nas redes sociais

Os conteúdos dos blogs não ficam apenas esperando de forma passiva que seus leitores cheguem até eles por meio da busca do Google.

Apesar de serem otimizados ao máximo para isso, as empresas também podem trabalhar com eles nas redes sociais, gerando uma relação de proximidade com os usuários. Uma página no Facebook ou no Instagram pode gerar links diretos para os conteúdos do seu blog.

Esse é um trabalho em que a base da estratégia é o engajamento. As marcas precisam ter um relacionamento de troca com os seguidores e usuários da Web.

Nesse contato, quanto mais conteúdo de destaque é divulgado por meio das redes sociais, maiores as chances de envolver o seguidor por meio da oferta de algo interessante para ele. Nesse esquema de trabalho, há uma geração de fluxo para o blog e, consequentemente, para o e-commerce, resultando em conversões.

3. Aumentar a sua base de leads

Aumentar a sua base de leads

Nem sempre o usuário que visitar o seu blog se tornará um cliente logo de cara. Esse é um trabalho que demanda paciência, e ela deve ser a base da estratégia de atração e preparo desse visitante.

Tudo isso só começa se a empresa consegue conquistar um lead. Com conteúdos realmente bons, naturalmente, os usuários estarão prontos para informar dados de contato para seguirem recebendo esses materiais frequentemente.

Há diferentes maneiras de conquistar esses leads. A principal e mais prática é por meio de newsletter, quando o blog solicita o email do usuário para continuar enviando os novos posts.

Outra boa estratégia é utilizar landing pages para ligar esses leitores a conteúdos como e-books, já que eles são mais completos e costumam tratar de assuntos técnicos.

Com ações efetivas de email marketing, é possível acompanhar esses contatos até as conversões desejadas.

4. Melhorar o rankeamento

Ao fazer uma busca no Google, você costuma dar atenção aos resultados da segunda página? Geralmente, os mais qualificados e realmente relevantes estão apenas na primeira e, mesmo que de forma inconsciente, quem navega pela Web sabe disso.

Cerca de 75% dos usuários se limitam aos resultados dessa primeira página, sem nunca avançarem para as seguintes. Isso diz muito sobre a necessidade de ranquear bem!

Por isso, você deve ter uma boa frequência nos posts e, além disso, eles devem ter links para outras páginas do próprio blog. Isso criará um ciclo de valorização do site, algo que também impacta o seu e-commerce.

Com conteúdos de destaque, o algoritmo do Google entende que, ali, há qualificação. E isso resulta em um bom ranqueamento, ou seja, entre os primeiros resultados de buscas por termos relacionados.

5. Alcançar autoridade

Estratégias de marketing de conteúdo não buscam apenas resultados em números, como um fluxo potencializado de leitores. É importante que os posts sejam realmente interessantes, já que só isso vai resultar em tráfego para o e-commerce.

Diante dessa preocupação, há um fator de destaque: a autoridade. Poucas empresas conseguem isso dentro de seus segmentos e, justamente por isso, o trabalho é árduo. A melhor forma de conquistar autoridade é trabalhar em conteúdos ricos, com análises mais profundas e que se comuniquem com o seu público da forma certa.

Isso significa abordar conteúdos que sejam de interesse dos seus potenciais clientes. Dessa maneira, é preciso gerar posts e materiais a partir de palavras-chaves com alto índice de buscas. Além disso, a linguagem adequada à sua audiência e o envolvimento nos conteúdos são outros fatores indispensáveis.

6. Investir em uma estratégia de baixo custo

Investir em uma estratégia de baixo custo do blog para seu e-commerce

A sua empresa tem um bom orçamento de marketing? Se sim, sinta-se privilegiado! Essa não costuma ser a realidade em outros negócios, especialmente, em e-commerces que estão apenas começando.

Tanto para as plataformas novas quanto para os já estabilizados, o blog é uma forma realmente barata de se posicionar e conquistar audiência. Afinal, qual é o custo de gerar conteúdos respeitando um calendário editorial?

Ainda que esse seja um trabalho terceirizado, ou seja, mesmo que a empresa contrate alguém para escrever os posts, e-books e outros materiais, manter um blog continua sendo muito mais barato que outras estratégias.

Mais do que ter um baixo custo, o marketing de conteúdo traz retornos realmente significativos. Com um investimento bastante acessível, você consegue autoridade, capta audiência, rankeia melhor e ainda consegue bons leads!

7. Educar o público sobre temas importantes

Por mais que seu e-commerce tenha bons produtos e uma abordagem interessante, nem sempre é suficiente para fazer o público realmente comprar.

Especialmente, em segmentos mais específicos, os clientes precisam ter certeza de que é aquele item ou serviço de que necessitam para atender às suas demandas. Por isso, é necessário que os conteúdos do blog tenham a capacidade de educar sobre temas relevantes para conquistar a confiança dos leitores.

Se o seu negócio vende snacks veganos, por exemplo, os seus conteúdos precisam seguir essa temática sobre alimentação saudável.

É natural que a sua audiência seja composta por pessoas interessadas nesse e em outros temas correlatos. Com uma boa busca de palavras-chave, é possível saber quais termos são buscados pela sua persona e, então, desenvolver bons conteúdos em cima deles. Assim, você educa e entrega o esperado!

Baixar e-book sobre Fidelização de Clientes

8. Aumentar o alcance

Aumentar o alcance do seu blog para e-commerce

Novas lojas online surgem todos os dias na Web, já que a tendência é que os empreendedores aproveitem cada vez mais a capacidade do digital em trazer bons resultados.

Em um segmento amplo e que cresce a cada ano, se a sua empresa não se destaca, certamente, ficará escondida. O blog é o modo mais certeiro de alcançar usuários que têm interesse no que você vende, mas ainda não conhecem seu e-commerce.

Com as otimizações de SEO, gerando conteúdos interessantes e atuando nas redes sociais, a capacidade de alcançar mais pessoas aumenta consideravelmente. É fundamental ampliar frequentemente a presença da sua empresa na Web e os posts são uma estratégia simples, mas que funciona.

Não esqueça de fazer muitos links internos e também buscar backlinks em sites relacionados. Um bom link building amplia consideravelmente o alcance da sua empresa na Web!

9. Criar uma “cara” para a sua empresa

O consumidor 4.0 é um conceito de público que traduz as exigências de quem realiza compras na internet nos tempos atuais, que marcam a era do marketing 4.0 e da transformação digital.

Ele é mais exigente, busca um atendimento de excelência e, principalmente, quer mais do que somente um bom produto. Para esse novo perfil de cliente, a experiência completa tem valor. Para isso, sua empresa deve saber como envolver o público.

Toda marca deve ter uma “cara”, ou seja, uma personalidade, especialmente similar à do seu consumidor. Nada melhor do que o seu blog para mostrar esse comportamento para o público.

Por lá, sua empresa pode deixar isso claro por meio dos temas que aborda, da linguagem que utiliza e da proximidade que tenta estabelecer com o usuário. Assim, é possível mostrar alinhamento com o público e, então, engajar.

10. Aumentar a quantidade de páginas no site

Um blog é, principalmente, um negócio escalável. Ele pode aumentar seu tamanho com os recursos disponíveis e a qualquer momento. Para isso, é preciso um trabalho de organização de calendário editorial.

Para o negócio em si, quanto mais publicações, melhor. Isso tem uma explicação simples: blogs com muitas páginas ganham autoridade junto ao Google. Além disso, se o conteúdo é bom, isso é considerado para o ranqueamento.

Esse grande número de páginas mostra aos algoritmos que seu blog tem interesse em manter uma regularidade de postagens. Portanto, quando isso é detectado pelos robôs do buscador, ele entende que a página procura o melhor para o usuário.

Quando alguém acessa um blog e verifica que há frequência nas postagens, ele entende que o trabalho realizado é sério. O mesmo é considerado pelo Google, que rankeia em posições melhores os blogs com várias páginas.

Essas 10 dicas mostram a amplitude de ganhos possibilitados por uma boa estratégia de marketing digital e de conteúdo! Portanto, o blog para e-commerce fazem muita diferença nas estratégias de marketing. Além disso, eles são a chave para o sucesso, especialmente, pelo ótimo custo-benefício.

Sabe o que mais pode fazer toda a diferença para potencializar suas vendas na internet? Estas 7 dicas para você alavancar o seu e-commerce!

Conteúdo produzido por Rock Content.

Categoria

E-commerce

Ver todos os posts desta categoria

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.