Abrir conta digital grátis Carregando

Como e por que fazer uma Análise SWOT em seu e-commerce

Publicado em 29 de janeiro de 2020 (atualizado em 05 de fevereiro de 2020)
Imagem de algumas caixas ao lado de um computador em cima de uma mesa

As mudanças no mercado são cada vez mais constantes e exigem mais e mais das empresas, que precisam se adaptar aos desejos do consumidor e, é claro, superar a forte concorrência. Por isso, utilizar algumas estratégias, como fazer uma análise SWOT no e-commerce, pode tornar o trabalho de qualquer empresa mais fácil e preciso.

Afinal, com a transformação digital, globalização e outros avanços tecnológicos, é preciso sempre ficar de olho em maneiras para aprimorar o seu negócio e não deixar que um simples problema prejudique a sua empresa de forma definitiva. Além disso, essa análise permite que você encontre diferenciais competitivos com maior facilidade.

Ou seja, uma análise SWOT em e-commerce é bastante benéfica para quem está sempre de olho em formas de crescer e se destacar no mercado. Por isso, vamos mostrar neste artigo quais são as razões para adotar essa prática e, é claro, como ela pode ser útil em sua rotina de trabalho. 

Continue a leitura para solucionar todas as suas dúvidas!

O que é análise SWOT?

Antes de entender a melhor aplicação da análise (ou matriz) SWOT em um e-commerce, é importante compreender como funciona, na prática, essa avaliação. Cada uma das letras que compõem a sigla representa um ponto a ser avaliado: Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças).

Não à toa, ela também é conhecida como FOFA no Brasil. O objetivo dessa análise é, portanto, identificar o cenário que a sua empresa se encontra a partir do monitoramento de fatores internos e externos. Forças e fraquezas, por exemplo, representam os pontos que podem ser aprimorados internamente para alcançar resultados mais satisfatórios.

Enquanto isso, oportunidades e ameaças representam os fatores externos que podem potencializar ou atrapalhar o desempenho de uma empresa. Juntando esses quatro tópicos, fica mais fácil enxergar de maneira nítida qual é o status atual de sua loja virtual, por exemplo, dentro do seu mercado de atuação e, é claro, o que pode ser feito para melhorar.

Em resumo, colocar essa análise em prática vai permitir que você encontre os pontos positivos e negativos do seu negócio. Consequentemente, ela evidenciará o que é preciso ser feito para que a sua loja virtual possa se destacar em relação aos demais. Assim, ficará fácil oferecer uma experiência mais satisfatória ao usuário, da navegabilidade até o atendimento.

Qual é a importância de utilizar essa ferramenta?

A principal vantagem de utilizar a análise SWOT é que ela é completamente adaptável ao perfil da sua empresa. Seja um grande negócio, seja uma startup, esse estudo vai fornecer uma visão mais clara de qual é o cenário que aquela organização precisa enfrentar para ter sucesso. Além disso, essa análise é ideal para qualquer planejamento estratégico.

Vai começar um negócio novo? Vai atender outro nicho do mercado? Quer expandir a atuação da sua empresa? Qualquer uma dessas situações requer muito planejamento e análise antes de partir para a ação, certo? Utilizando essa matriz, as suas decisões se tornam mais precisas e fundamentadas, ou seja, com maiores chances de sucesso.

Essa ferramenta é muito utilizada no mercado justamente pela capacidade de fornecer informações úteis a partir de diferentes olhares e perspectivas. Afinal, você não restringe o estudo aos problemas internos que a sua empresa pode enfrentar, mas também ao trabalho da sua concorrência, por exemplo. Tudo isso gera insights mais precisos.

Assim, o seu e-commerce passa a ter um panorama verdadeiro da situação atual e pode encontrar maneiras de aprimorar esse trabalho. Além disso, outro benefício é a melhor preparação para enfrentar os desafios e decifrar os caminhos mais indicados para ter sucesso na área. A maior precisão na tomada de decisão é outra vantagem.

Quais são os pontos da análise SWOT para aplicar no e-commerce?

Ficou claro, então, que utilizar a análise SWOT em um e-commerce pode ser excelente para aumentar as chances de sucesso do seu negócio. Sendo assim, que tal entender, na prática, como cada componente do quadrante pode ser aplicado à sua loja virtual? Por isso, separamos a aplicação de cada um deles e as situações em que podem ser úteis. Acompanhe!

Forças

O primeiro quadrante a ser preenchido é o de Forças, que vai indicar quais são os diferenciais competitivos do seu negócio. Ou seja, o que a sua loja virtual entrega de positivo para os seus consumidores? É um atendimento diferenciado? Um frete mais barato ou serviço de entrega mais ágil?

Listar quais são os pontos positivos do seu e-commerce vai permitir que você entenda, por exemplo, como trabalhar melhor esses aspectos e, assim, oferecer um produto ainda melhor ao cliente. Esse quadrante também pode ser um indicador de que é necessário buscar por outros diferenciais para o seu negócio e, assim, conseguir se destacar.

O mix de produtos da sua loja também pode ser considerado um diferencial e fazer parte desse quadrante. O objetivo nessa etapa é justamente a possibilidade de avaliar internamente o que a sua loja virtual faz de positivo dentro do mercado e como isso pode ser reproduzido em forma de resultados satisfatórios ao final de cada mês.

Fraquezas

O segundo ponto a ser analisado é outro interno: as Fraquezas. Fazer uma análise crítica em relação ao desempenho do seu e-commerce é o mais indicado. Seja por base em feedbacks de usuários e consumidores, por conta de avaliações internas ou mesmo porque metas e objetivos estipulados para um setor não foram alcançados.

Ficar de olho em indicadores e métricas, por exemplo, pode ser um caminho interessante para validar as suas escolhas para entrarem no posto de fraquezas. Percebeu que o tempo de permanência em suas páginas está baixo? Talvez seja um indicador de que o layout do seu site não é responsivo, seguro ou de acordo com as preferências dos consumidores.

Preços mais altos, produtos de qualidade não tão elevada, enfim, existem diversos tópicos que podem ser adicionados dentro desse quadrante. O importante nesse ponto é justamente conseguir fazer uma autocrítica para identificar quais são as principais falhas que a sua empresa comete e que precisam ser corrigidos urgentemente.

Baixar e-book sobre Fidelização de Clientes

Oportunidades

Entrando nos quadrantes que refletem o ambiente externo, as Oportunidades são os fatores que podem tornar a sua loja virtual mais atrativa para os clientes e, é claro, bem-sucedida no mercado de atuação. São os espaços que você e os seus concorrentes não estão preenchendo e, portanto, estão abertos para que outras empresas aproveitem.

Identificando uma oportunidade que seja, de fato, útil para o seu e-commerce, você pode investir e colher os frutos de realizar uma demanda dos usuários que não era atendida. O processo de análise pode ser feito a partir do comportamento do consumidor, dos seus principais gostos, prioridades, desejos, dificuldades e objetivos.

Os pontos a serem listados nesse quadrante podem ser oriundos também de um estudo de mercado, que pode indicar, por exemplo, que um atendimento diferenciado ou mais opções de pagamento são desejos dos consumidores. Uma oportunidade é, portanto, uma possibilidade de investir em uma estratégia que se torne uma força no futuro.

Ameaças

Por mais que seja um clichê, a frase “é melhor prevenir do que remediar” faz sentido quando falamos do mercado corporativo e na disputa pela atenção — e recursos — dos consumidores. Basta um erro, um pequeno equívoco em seu planejamento, para que a sua loja virtual perca no total de vendas, ticket médio ou o tamanho da sua base de clientes.

Sendo assim, é fundamental se planejar e se preparar para enfrentar os desafios que podem surgir dentro do mercado de atuação da sua empresa. E é exatamente isso que o quadrante de ameaças busca identificar: quais são os fatores externos que podem prejudicar o seu negócio no curto, médio e longo prazo?

Ao identificar quais são esses fatores — como a concorrência, crises econômicas, qualidade de fornecedores e parceiros ou até mesmo greve das transportadoras —, fica mais fácil se organizar para, eventualmente, superá-las.

A análise SWOT no e-commerce é, portanto, uma prática extremamente necessária para qualquer empresa que queira se diferenciar dos seus concorrentes e oferecer um produto ou serviço mais adequado aos desejos e preferências dos consumidores. Adotando essa prática, o seu planejamento se torna mais preciso e eficiente para o futuro do seu negócio.

Agora que você já sabe como essa técnica pode ser utilizada para potencializar o sucesso da sua loja virtual, que tal entender como ela também pode ser aplicada em diferentes pontos do seu negócio? Então aprenda a aplicar a análise SWOT em sua estratégia de Marketing Digital com essas 5 dicas!

Conteúdo produzido pela Rock Content.

Categoria

E-commerce

Ver todos os posts desta categoria

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com essas condições. OK