Abrir conta digital grátis Carregando

Como podemos ajudar você?

Faça uma pergunta ou busque por palavra-chave

Como fazer o reenvio das notificações (“callbacks”) da API?

20/02/2017 (atualizado em 07/08/2018)

As notificações (ou “callbacks”) permitem que seu sistema seja informado quando uma transação tiver seu status alterado. Dessa forma, você poderá identificar quando um boleto for pago, por exemplo.

Para que seu sistema receba as notificações, é preciso que as transações geradas tenham uma “URL de notificação” associada. Você pode definir uma URL para receber as notificações durante a criação da cobrança ou posteriormente. Para mais detalhes, acesse a documentação da API.

Existem algumas maneiras de analisar e reenviar uma notificação da API, tanto através do painel administrativo da conta Gerencianet (não requer conhecimento técnico) quanto por meio da própria API (requer conhecimento técnico). A seguir, veremos as duas formas:

1) Utilizando o painel administrativo

Caso queira reenviar a notificação de transação(ões) específica(s), você pode realizar diretamente do painel de sua API. Para isso, efetue login em sua conta Gerencianet e realize os passos abaixo maiores detalhes:

  1. Acesse API -> Minhas Aplicações -> Sua Aplicação;
  2. Selecione o ambiente desejado (Produção ou Desenvolvimento);
  3. Através da sub-aba “Transações”, localize a transação que deseja reenviar a notificação;
  4. Clique no ícone de um “olho” presente na última coluna e, por fim, clique no botão “Reenviar notificação” (canto inferior à esquerda).

Pronto! Em alguns minutos, enviaremos a notificação para seu sistema.

2) Utilizando a API

Quando uma transação possui uma “URL de notificação” cadastrada (atributo notification_url), a Gerencianet dispara um POST para esta URL a cada mudança no status da cobrança. Essa notificação possui um token específico, que será o mesmo durante todo o “ciclo de alterações” da transação.

O POST que enviaremos vai conter apenas uma informação: um token de notificação. Ou seja, se a URL cadastrada estiver preparada para ler o token na variável $_POST['notification'] e consultar essa informação, a resposta será todos os dados informativos sobre a alteração sofrida pela cobrança, como por exemplo, o status anterior e atual da cobrança. Para tal, você precisa cadastrar uma URL de notificação na cobrança e prepará-la para mostrar/armazenar o token de notificação.

Na sub-aba “Histórico de Notificações” é possível acompanhar todo POST de notificação disparado pela Gerencianet. Se o integrador consulta o token que enviamos (ou seja, através da sub-aba “Histórico de Requisições” um consumo a GET /notification/:token, em que o :token é o “token de notificação” enviado pela Gerencianet), consideramos que a notificação foi realizada com sucesso. Se por alguma razão a URL associada à transação estiver “fora do ar” ou caso seu sistema não consulte, tentamos novamente no decorrer do dia.

O botão “Reenviar notificação” não está sendo exibido?

Esta situação geralmente ocorre por duas possibilidades:

  1. A transação é uma parcela de carnê. Por isso, deverá ser localizado o carnê no qual esta parcela faz parte. O botão de reenvio da notificação estará disponível no carnê. Na notificação do carnê estarão incluídas todas as informações, tanto do carnê quanto das parcelas do carnê;
  2. A transação foi criada sem URL de notificação. Isto pode ser visto acessando os detalhes da transação via API (saiba como) ou pelo ícone de um “olho” presente na última coluna (menu “API > Sua Aplicação”, nas sub-abas “Transações”, “Assinaturas” e/ou “Carnês”). Neste caso, deverá ser informada a URL via API (saiba como) e depois reenviar a notificação de acordo com orientações deste artigo.

.

Para mais informações, confira a documentação oficial da API da parte de notificações.

Ainda está com dúvidas ou enfrentando problemas? Envie um ticket para que nossa equipe possa auxiliar você.

Conseguimos responder sua dúvida?

Compartilhe

Caso você seja um cliente Gerencianet ou efetuou um pagamento por meio do nosso serviço e precisa de atendimento, crie um ticket de suporte.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com essas condições. OK